Cursos

Segurança Pública

Instituição
      • Tipo:EAD
      • Modalidade:Graduação
      • Carga Horária:2 anos

      Ofertado pela UnisulVirtual na modalidade de educação a distância, o curso de Tecnologia em Segurança Pública aborda o domínio de dispositivos administrativos, penais e processuais penais referentes à segurança pública; conhecimentos que possibilitem a compreensão das teorias e abordagens sócio-psicológicas; técnicas, tecnologias e estratégias relacionadas às áreas de atuação. O aluno é preparado para atuar nas áreas de política, gestão, planejamento e técnicas operacionais no âmbito do sistema de segurança pública. É incentivado a desenvolver habilidades pessoais para lidar com a complexidade das situações, o risco e a incerteza. Suas ações devem estar fundamentadas nos princípios da cidadania, dos Direitos Humanos e da cultura da paz. Na metodologia de EaD da UnisulVirtual, o aluno recebe materiais didáticos impressos para cada disciplina, interage com colegas e professores e realiza atividades do curso online, com avaliações presenciais periódicas no polo presencial de sua escolha, potencializando os estudos com maior flexibilidade e autonomia.(...)

      • Tipo:EAD
      • Modalidade:Graduação
      • Carga Horária:2 anos - 2400 horas

      Os mais recentes atos de violência e criminalidade entre os cidadãos fez a UNISANTA atender ao clamor da sociedade e querer ajudar a formar e instrumentalizar agentes sociais para que possam buscar soluções para esse drástico histórico. O Curso Superior de Tecnologia em Segurança Pública obedece às normas e às diretrizes curriculares fixadas pelo Ministério da Educação (MEC) e pelo Conselho Estadual de Educação de São Paulo, atendendo a todas as exigências legais.(...)

      A quem se destina

      Portadores de certificado de conclusão do Ensino Médio ou equivalente. Os profissionais que militam ou pretendem militar na área da segurança pública (Membros das Forças Armadas, Policiais Civis Estaduais, Federais e Militares, Guardas Municipais, Agentes Penitenciários, Pesquisadores e Gestores de políticas públicas na segurança pública), profissionais da segurança privada, profissionais de ONGs, PPPs, e o público em geral, interessado no assunto.